Resenha: Coraline

Olá Pessoas, tudo bom? 

O livro de hoje é outro livro com temática “infantil”, mas não necessariamente escrito para crianças. Não sei o porquê eu sempre acho os livros com protagonistas crianças muito interessantes (ao contrário de protagonistas adolescentes que eu acho um bléeee). Talvez porque ( e muitos autores concordariam comigo) o mundo visto pelos olhos de uma criança é muito inspirador, parece que tudo é mágico, tudo é novidade e uma simples porta pode ser um portal para um mundo mágico. (Hello, Lewis!) Essa perspectiva é realmente muito interessante. 

O meu primeiro contato com Coraline foi pelo filme de Henry Selick (2009), mesmo diretor do Estranho Mundo de Jack que é meu filme preferido. A temática desses filmes “Tim Burton” (esse filme não tem nada a ver com o Burton) infantis macabros sempre me atraíram muito e, portanto, eu logo fui assistir. Assim que terminou o filme me apaixonei e decidi que eu PRECISAVA ler o livro, quando eu descobri que ele era escrito por Neil Gaiman então! (pra quem não sabe Neil Gaiman é um autor americano que escreve muitas histórias meio sombrias e fantásticas assim do jeito que eu gosto, com um quê de contos de fadas.)

Cuidado com o que deseja…

Peguei Coraline pra ler achando que seria tão fantasmagórico quanto o filme e não me decepcionei. A historia prende sua atenção do começo ao fim, recomendo se você tem preguicinha de ler porque ela é curtinha e flui muito gostoso. Você só vai parar de ler se bater um medinho, prometo.

Coraline é uma menina exploradora e bem criativa que muda com seus pais pra uma mansão. A mansão é dividida em vários flats onde moram várias pessoas. Apesar de ser uma criança bem extrovertida e enérgica, essas características são meio que encobertas por ela não ter companhia da sua idade sendo recém-chegada na cidade. O livro dá a impressão que esse flat onde os personagens moram é meio isolado da cidade, pois não há contato direto entre outras pessoas que não sejam os moradores da grande casa. Em meio a vizinhos estranhos, grande tédio e pais ocupados que não prestam muita atenção nela, Coraline acaba encontrando uma porta em um comodo esquecido onde são guardadas velhas mobílias da sua avó. Ao abrir a porta pela primeira vez, ela descobre uma parede de tijolos. Intrigada ela continua a visitar a porta, até que um dia ela se abre para revelar um corredor comprido e estranho, e no seu final…

Chega senão perde a graça. hahaha. (proibido me xingar) 

Não entre pela porta Coraline

Eu achei a história muito interessante, com muitos simbolismos interessantes como mãos de aranhas, gatos pretos e adultos indiferentes. O legal é que ficamos em dúvida se a história realmente aconteceu ou se foi a imaginação de Coraline. O autor consegue desenvolver a história de uma maneira muito interessante unindo mundos diferentes (real x imaginação) e ao mesmo tempo escrevendo uma história com um moral legal, mas sem cara de auto-ajuda, sabe? Cuidado com o que deseja, as coisas não são o que parecem e nem tudo é um mar de rosas são alguns deles.

Em geral, achei o livro mais assustador que o filme.  Obviamente, eles teriam que fazer algo pra chamar atenção das crianças. A Coraline do filme é muito mais excêntrica e ela até tem um amigo que a ajuda no decorrer da história, enquanto a do livro é uma menina mais normal e sozinha o que ajuda o leitor a se identificar com o personagem. Você realmente sofre, sente medo e até fica triste com o personagem.

 E aí, gostaram? Já leram esse livro ou querem ler? Me contem nos comentários. 

Beijos e até o próximo.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Resenha: Coraline

  1. Pingback: Filmes de Halloween que não assustam | Imagine Labirintos

  2. Pingback: Resenha: O Oceano no Fim do Caminho #AllAboutGaiman | Imagine Labirintos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s